História do Brasil

A Política do Café com Leite

Curta Nossa Página

Política do Café com Leite – Brasil República

A Proclamação da República, promoveu um novo grupo ao comando da política nacional; a burguesia cafeeira; a partir do governo de Rodrigues Alves, a presidência passou a ser dividida entre políticos mineiros e paulistas. O processo político nacional era dominado pela união entre São Paulo (café) e Minas Gerais (leite). Com o Rio Grande do Sul, reuniam a metade dos votos nas eleições. Os primeiros presidentes civis foram de São Paulo, com a concordância de Minas.

Depois, paulistas e mineiros se revezaram no poder. Esse período ficou conhecido como “A República do Café com Leite”.

As oligarquias dominantes nesses dois estados atuavam através de suas organizações partidárias, o PRP (Partido Republicano Paulista) e o PRM (Partido Republicano Mineiro). Coesos e organizados, formavam grupos monolíticos no Legislativo. Os membros do Congresso indicavam os candidatos a presidente. A escolha era resultado de um acordo entre as unidades da federação, sob a hegemonia desses estados.

Agiam através dos instrumentos criados pela política dos governadores para assegurar a concordância entre as elites e conseguir o apoio dos estados menores.

São Paulo baseava sua hegemonia na potência econômica conferida pelo café. Minas Gerais tinha economia mais diversificada, dividida entre pecuária, café e alguma indústria, e dependia mais dos recursos da União. Exercia seu poder através de políticos profissionais.

A política do café com leite teve períodos de predomínio de um ou de outro setor. Também conheceu fases de conflitos e de rompimento, que permitiram a atuação dos militares e o retorno do Rio Grande do Sul às articulações políticas. Hermes da Fonseca foi eleito com o apoio de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e dos militares. Após isso, São Paulo e Minas Gerais entraram novamente em acordo para se revezar na presidência da República. Isto funcionou, apesar dos movimentos de protesto, até 1930, quando Washington Luís rompeu o trato ao indicar outro paulista.

Etiquetas

Artigos relacionados

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios